quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

NOVO GOVERNO


BASE CONGRESSUAL

Governo Bolsonaro ainda não dispõe de votos para reformas

O colunista Josias de Souza destaca que o governo de Jair Bolsonaro convive com um paradoxo  na largada:

Sua ambição reformista é bem maior do que sua base congressual.

Para aprovar emendas à Constituição, como a que trata da reforma da Previdência ou da prisão de condenados em segunda instância, o governo de Bolsonaro precisa colecionar pelo menos 308 dos 513 votos disponíveis na Câmara, e 49 dos 81 existentes no Senado.

No momento, o Capitão não dispõe dessa infantaria no Legislativo.

Numa conta redonda, os operadores políticos de Bolsonaro estimam que o Planalto dispõe dos votos de 250 deputados e 40 senadores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário